Até o próximo domingo (15), as embaixadas de cinco países europeus promovem a Semana da Língua alemã no Brasil. Blumenau foi escolhida para receber centenas de atrações culturais para destacar o idioma e a cultura, como mostrou o Bom Dia Santa Catarina.

Ao todo, são 500 atividades em todo o país, 50 delas estão em Blumenau. A programação inclui rodas de conversa, mostras de cinema e contação de histórias nas duas línguas.

Além da Alemanha, participam da semana da língua alemã, as embaixadas da Áustria, Bélgica, Luxemburgo e Suíça.

“Minha geração aprendeu a falar o alemão em casa e a diferença para com hoje é que o jovem, e mesmo o adulto, o pai de família, que vai buscar o domínio desta língua e o estudo dela, ele vai ingressar na escola, vai agora falar, vai escrever e vai ler, o domínio sobre a língua ampliou, vai ser ferramenta para ele, de uso profissional”, disse o cônsul da Áustria no Brasil Mauro Kirsten.

“As empresas alemãs estão se estabelecendo aqui na região e essa é uma grande vantagem de quem domina o idioma”, afirmou a professora de alemão Eva Ruth Maier.

O engenheiro de telecomunicações Bruno Krueger Franco começou a estudar alemão aos 16 anos. Aos 32, ele trabalha na Alemanha. “A oportunidade de vir para a Alemanha surgiu quando eu estava em Blumenau e trabalhava para uma grande empresa na área de TI. O serviço prestado era para uma empresa alemã que gostou do meu serviço e fez o convite para eu trabalhar com eles aqui”, relatou.

Atualmente, ele recebe quatro vezes o que ganhava no Brasil. “Na hora, eu topei o convite e se eu não tivesse o idioma, o conhecimento do alemão, nada disso seria possível”, afirmou.